Terça, 07 de Fevereiro de 2023
22°C 28°C
Maceió, AL
Publicidade

INSS divulga o novo calendário de pagamentos para 2023

João Adolfo de Souza, proprietário da João Financeira, explica os principais pontos que os beneficiários devem prestar atenção para evitar deslocam...

24/01/2023 às 12h15
Por: Colaboração para o Jornal Online Alagoas Fonte: Agência Dino
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) divulgou o novo calendário de pagamentos para 2023 para segurados que recebem benefícios referente a aposentadoria, pensão ou auxílio-doença, entre outros. O calendário, divulgado no final de dezembro de 2022, deve ser seguido de acordo com o número do benefício do segurado.

Para os beneficiários que recebem o piso nacional, no valor de R$ 1.302, os depósitos referentes a janeiro serão feitos entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro. Já para quem possui renda mensal acima de um salário mínimo, os pagamentos serão efetuados a partir de 1º de fevereiro. 

Para consultar a data exata de pagamento, basta acessar os canais oficiais do INSS com o número final do cartão de benefício, desconsiderando o último dígito verificador - que vem logo após o traço. Em média, 56 milhões de cidadãos recebem o piso nacional. Destes, 24 milhões são segurados da autarquia do Governo, segundo dados oficiais. 

João Adolfo de Souza, proprietário da João Financeira - portal de notícias focado em informações para beneficiários do INSS -, destaca que acompanhar as datas de pagamento da autarquia é positivo, pois facilita a vida dos beneficiários, principalmente de aposentados e pensionistas - que, na maior parte das vezes, têm uma idade avançada.

“Saber o dia exato em que o pagamento irá cair facilita a vida do beneficiário, que evita o deslocamento desnecessário ao banco”, diz ele. “Sempre fique atento ao dia que você vai receber, conforme o seu salário. Se você recebe acima de um salário mínimo, o seu pagamento sempre será feito nos cinco primeiros dias úteis de cada mês”, orienta Souza.

Já para beneficiários que recebem um salário mínimo, prossegue, o pagamento depende do final do número do benefício. “Se você está nesse caso, pode receber entre os cinco últimos dias úteis do mês e os cinco primeiros dias úteis do mês. Em caso de dúvida, consulte o calendário e confira”, recomenda.

Para mais informações, basta acessar: https://www.joaofinanceira.com.br/blog/

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários