Terça, 16 de Abril de 2024
24°C 30°C
Maceió, AL
Publicidade

Desmatamento e poluição são temas de projeto apoiado pelo Governo do Amazonas, em escola de Manaus

Foto: Acervo da coordenadora da pesquisa, Diana Nunes de Oliveira

03/04/2024 às 17h49
Por: Colaboração para o Jornal Online Alagoas Fonte: Agência Amazonas
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Agência Amazonas
Foto: Reprodução/Agência Amazonas

Foto: Acervo da coordenadora da pesquisa, Diana Nunes de Oliveira

Em Manaus, um projeto desenvolvido com apoio do Governo do Amazonas, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), via Programa Ciência na Escola (PCE), analisou a percepção dos estudantes sobre a influência do aumento dos gases do efeito estufa e sua contribuição para o aquecimento global.

O estudo realizado com estudantes do Ensino Médio, da Escola Estadual Márcio Nery, foi coordenado pela professora da disciplina de Biologia Diana Nunes de Oliveira, da Secretaria de Estado de Educação e Desporto. Intitulada “Desmatamento e gases poluentes: riscos ambientais para os ecossistemas amazônicos”, a pesquisa buscou ainda chamar a atenção dos alunos para a importância da preservação e conservação da região.

Doutoranda em Ciências do Ambiente pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Diana destaca que os alunos bolsistas do PCE participaram de todos os processos da pesquisa desde a aplicação do questionário teste (com os demais estudantes), na tabulação dos dados, bem como na elaboração das cartas do jogo de dominó científico pedagógico, produto gerado a partir do projeto. O estudo foi publicado no periódico da Revista JRG de Estudos Acadêmicos , disponível: http://www.revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/947

Durante a pesquisa, realizada com 46 alunos, cerca de 73,91% responderam saber que o aquecimento global está relacionado com a elevação da temperatura. Enquanto, 26,09% afirmaram que não sabem do que se trata, o que demonstra a necessidade de continuar as ações de sensibilização com os estudantes sobre a temática ambiental, especificamente sobre seu papel na conservação ambiental.

“Sem dúvida os bolsistas tiveram uma experiência única em suas vidas, pois, para todos, foi a primeira vez que participaram de um projeto de ciências. E como resultado direto do projeto foram produzidas maquetes dos gases poluentes e um jogo de dominó pedagógico”, disse Diana Nunes.

Foto: Reprodução/Agência Amazonas
Foto: Reprodução/Agência Amazonas

Foto: Acervo da coordenadora da pesquisa, Diana Nunes de Oliveira

Os bolsistas do projeto também participaram de excursão no Bosque da Ciência, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), onde puderam observar a importância dos estudos científicos e a necessidade da conservação da região para a manutenção de várias espécies de seres vivos.

Sobre o apoio da Fapeam, a professora destaca que a Fundação tem sido fundamental para o desenvolvimento das pesquisas científicas realizadas nas escolas públicas no Amazonas. “Tanto por meio do incentivo à formação de jovens cientistas, quanto no desenvolvimento de professores pesquisadores”, acrescentou a professora.

Jogo Educativo

Para facilitar a compreensão dos conteúdos estudados, os alunos produziram um jogo de dominó científico. Elaborado com 12 peças que possuem informações complementares para formar conexões entre os conceitos abordados em sala de aula. O jogo é uma ferramenta para auxiliar no processo de ensino e aprendizagem dos estudantes sobre as questões ambientais relacionadas ao efeito estufa e aquecimento global.

Foto: Reprodução/Agência Amazonas
Foto: Reprodução/Agência Amazonas

Foto: Acervo da coordenadora da pesquisa, Diana Nunes de Oliveira

PCE

O PCE apoia a participação de professores e estudantes do 5º ao 9º ano do ensino fundamental, da 1ª à 3ª série do ensino médio e suas modalidades: educação de jovens e adultos, educação escolar indígena, atendimento educacional específico e Projeto Avançar, em projetos de pesquisa desenvolvidos em escolas públicas estaduais sediadas no Amazonas e municipais de Manaus ou Tefé.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.